segunda-feira, 6 de abril de 2015

Páscoa feliz

A Páscoa é o tempo de excelência do Cristão. E como Cristão que quero ser, um dia, faz-me imensa impressão que toda a gente celebre o Natal de forma mais ou menos intensa e depois, a Páscoa seja apenas uma altura para ir passar o fim-de-semana fora ou para um almoço diferente ao domingo. Para comprovar isto que estou a dizer basta pensar nos mil e-mails de desejos de Feliz Natal, nas 40000 SMS de Natal que recebo e na calmaria verificada na época pascal...

Acho que muitos não sabem o que significa a Páscoa e vivem completamente à margem do assunto... mas não há para mim nada mais importante do que saber que O amor venceu o ódio, a vida venceu a morte, a luz afugentou a escuridão!

Com a sua morte e ressurreição, Jesus indica a todos o caminho da vida e da felicidade: este caminho é a humildade, que inclui a humilhação. Esta é a estrada que leva à glória. Somente quem se humilha pode caminhar para as «coisas do alto». O orgulhoso olha «de cima para baixo», o humilde olha «de baixo para cima».
A proposta do mundo é impor-se a todo o custo, competir, fazer-se valer… Mas os cristãos, pela graça de Cristo morto e ressuscitado, são os rebentos duma outra humanidade, em que se procura viver ao serviço uns dos outros, ser não arrogantes mas disponíveis e respeitadores.

Isto não é fraqueza, mas verdadeira força! Quem traz dentro de si a força de Deus, o seu amor e a sua justiça, não precisa de usar violência, mas fala e age com a força da verdade, da beleza e do amor, diz o Papa Francisco.

Na vigília pascal o meu grande pequenote foi batizado, e que bem que se portou!!!! Um momento solene que ficará sempre na minha memória. Na descida à água do batismo deixamos "o homem velho" e nasce um "homem novo"...